sábado, 8 de setembro de 2012

400


"Foi bonita a festa, ó, pá": um amplo terreno do parque da Lagoa da Jansen tomado pelos palcos e pronto para receber milhares de pessoas na multimilionária campanha de shows promovida pelo Governo do Estado em comemoração ao aniversário de São Luís (Gilberto Gil, Ivete Sangalo, Zeca Pagodinho e outros bambas de cachês exorbitantes). Eu, que sempre amei os passeios a pé em longas distâncias (afinal, só se conhece uma cidade caminhando-se por ela) e tanto já namorei por entre as estreitas vielas e à sombra de sobradões centenários, a sorver a magia romântica destas paragens, hoje fiz apenas um breve passeio de carro com a família para ver a multidão que já se formava na Lagoa para ver Roberto Carlos de graça - na verdade, às custas dos nossos suados impostos...

Mas às favas, uma cidade não faz 400 anos todo dia: então, se Roseana arrasava quarteirões com o seu circo milionário de artistas, o prefeito Castelo promovia o "pão" com seus 400 metros de bolo e uma virada cultural com artistas locais! Pois que, se a do Bigode inaugurou apenas um trecho de uma badalada avenida prometida há anos como "presente" para a aniversariante, a velha raposa matreira e "ixpiriente" também podia entregar apenas uns 500 metros de trilhos construídos de forma duvidosa e às pressas, plantar um lindo vagão de metrô de superfície para ficar oxidando à beira-mar e bradar no horário político de sua reeleição que "o novo sistema de transporte do VLT é uma realidade em São Luís"! Saúde, educação, obras de infra-estrutura mais do que urgentes...? "Não foi possível..." Quem sabe nos próximos 400 anos?

Mas "amo tanto e, de tanto amar, acho que ela é bonita"... E, tal como na canção do poeta-mor da MPB, não dá para enxergar só mazelas de uma histórica cidade tão cheia de encantos - afinal, São Luís é seu povo resistente e sua rica cultura de 4 séculos, tão viva e pulsante em sua Upaon-Açu preta e branca (mais preta do que branca, saravá), em meio a pesados tambores e a insinuantes 'reaggaes', transitando tão levemente entre o Sagrado e o Profano e entre o Passado e o Futuro, que, vivendo o seu dia-a-dia, facilmente se percebe que ela é muito maior do que os seus exploradores vis ou seus representantes políticos pútridos! Porque aqui, nesta agradavelmente quente fronteira entre o Norte, o Nordeste e o Oceano, à espera de Dom Sebastião para nos redimir, predomina o vento constante nas palmeiras dos sabiás e na bunda do boi que balança em seu miolo, tudo com o dormente clima de província, tanto no seu aspecto negativo, de arraigadas práticas reacionárias, como no lado de "paraíso perdido" do lado de baixo do Equador, aonde a violência e os grandes problemas citadinos ainda não conseguiram invadir aos borbotões (com certeza, encalhados no nosso protetor Boqueirão)...

Raimundo Correa, os Irmãos Azevedo, Ferreira Gullar, Bandeira Tribuzzi, Odylo Costa Filho, Nauro Machado: todos esses são de São Luis! Não é de se admirar que esta Ilha seja um grande berço de Poesia... Aqui há lixo e esgoto ao léu, praias impróprias, Educação e Saúde completamente abandonadas e buracos mil... Mas aqui também tem um magnetismo que não se acha em mais nenhum lugar desse Brasil - e nisso o Tribuzzi estava certo, só devendo ser atualizada a sua "Louvação a São Luís" com o verso Ó, meus governantes, deixem-me viver e mais nada/ que eu quero aprender a Poesia desta Ilha encantada... Feliz São Luís!

|

6 comentários:

Claudinha ੴ on 9 de setembro de 2012 17:10 disse...

Meu caro amigo, parabéns a São Luís e a todos os seus nativos!
400 anos não é pouca coisa não.
"Foi bonita a festa ,ó, pá... Fiquei contente, inda guardo renitente um velho cravo para mim"...
Sua descrição me deixou doida para conhecer sua cidade. Um dia apareço por estas bandas...
Um beijo super família, mais uma vez festejem, parabéns!

Claudinha ੴ on 9 de setembro de 2012 17:19 disse...

Acabo de ouvir a música e o cantar 'aprender a poesia da cidade' mostra toda a alma de seu povo! Bj

Jota Effe Esse on 9 de setembro de 2012 21:19 disse...

Amigo Dilberto, você fez uma bela descrição da São Luís que todo o Brasil admira. Imagino como não foi a festa em homenagem à esta Cidade Poesia. Meu abraço.

Ruby on 9 de setembro de 2012 23:12 disse...

Acredito que com o dinheiro muito bem pago às estrelas convidadas para alegrarem a massa poderia-se dar de presente à cidade muitas coisas úteis e que as festividades fossem menos extravagante, mas enfim, são 4 séculos e me imagino como seria a Capital e o Estado se não fosse uma certa casta que parece governar como a realeza, sem fim e de pai para filho. Creio que a visão seria outra, afinal 400 anos são muitas centenas e como tal deveria ser mais maduro o estado atrasado, mas as coisas funcionam assim, meu caro. É Brasil! Contudo tem melhorado muito a plástica e com certeza vai melhorar mais ainda, são meus votos. Muita gente foi, mas não deu pra mim, quem sabe ainda este ano. Depois da festa Roseana-Marie-Antoinete-Sarney tá melhor no quesito imagem? Brasileiro é assim, esquece fácil e logo louva aquele que outrora falava mal. Parabéns à cidade!

Celamar Maione on 16 de setembro de 2012 20:56 disse...

Dilberto,

Gostei da música !
Homenagem feita com coração.
Parabéns a São Luís.
Beijão !!

Surto on 18 de setembro de 2012 18:30 disse...

Salve Dilberto,

Grato pela visita lá no Blog, se sinta convidado para voltar quando quiser, estou te linkando por lá.

Abraços do Brasil....

 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran