quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Nossa Ilha Abandonada...


Felizes 399 anos: interessante matéria na Folha 'on-line' evidencia nossa situação "privilegiada"... Acima: vídeo com Louvação a São Luís, cantada por nossos maiores intérpretes. 
E você: ainda se encanta ao ouvir Ilha Magnética? Eu juro que tento, mas dói... Dói muito ver nossa ilha abandonada...


"Ó, minha cidade, deixa-me viver/ que eu quero aprender tua poesia": estes são os primeiros versos do poema "Louvação a São Luís", do maranhense Bandeira Tribuzzi, tido como o hino da capital maranhense. Mas não, não estou poético diante do aniversário de São Luís como de costume... Na verdade, cantarolo hoje estes versos mais como um protesto: assim como os muitos adesivos dos carros da cidade brincam com a logomarca eleitoral do prefeito João Castelo (vários "São Luís é Caostelo" proliferam...), eu canto este hino para rogar a Deus ainda estar vivo para olhar, um dia, quem sabe, a poesia de volta a esta cidade abandonada...

Mas a culpa não é só do prefeito atual (uma matreira raposa velha, antigo governador biônico de nosso estado), vem de antes: desde os mandatos de Tadeu Palácio ("Palácio, Castelo e o povo na lama", brinca, outra vez, o espirituoso e bravo povo ludovicense), desde o último mandato de Jackson Lago... Desde os tempos da Ditadura, quando Sarney já mandava... Problemas tão antigos que impedem este assim dito "Patrimônio da Humanidade" ser mais humano! Mas a culpa também não é só dos políticos: há muito que a "Ilha Rebelde", de "Atenas Brasileira", virou "Apenas Brasileira" com um povo que se acostumou ao comodismo e segue à deriva nesta nau secular caindo aos pedaços, esperando o boi, o 'reggae', a banda passar...

E falando em festa, ano que vem nossa Ilha Magnética comemorará 400 anos e a Prefeitura... Bom, a Prefeitura já lançou uma campanha para que os internautas elejam a "marca comemorativa"! É brincadeira... E quem pediu festa? A marca que eu queria para esta cidade, às vésperas de seu quarto centenário, era a marca do desenvolvimento, do respeito, do zelo por parte dos políticos, por parte de um povo esquecido e sem vontade... Eu quero pensar numa São Luís com Poesia outra vez... Mas, por enquanto, eu só quero dormir um pouco mais, é o que me resta, que hoje, por aqui, é feriado!
|

14 comentários:

Luci on 8 de setembro de 2011 10:37 disse...

sonhos do futuro... todos nós queremos!
bj

Jandira disse...

Adorei os clipes com as imagens da nossa Ilha... Tão bonita... E tão maltratada! Apesar de não ser ludovicense de nascença,sou de coração,pois no ano do 4º centenário, farei 20 anos que moro aqui. E por estas terras me apaixonei, amei, sou amada,nasci,renasci e vivo até hoje. Parabéns São Luís! Que teu magnetismo atraia gente que, como eu, te ame cada vez mais!Beijo ao autor, que é ludovicense nato e apaixonado! Te amo.

Érica on 8 de setembro de 2011 16:32 disse...

Parabéns então, para o povo que acredita nessa cidade, bela pela própria natureza,tão rica em cultura e poesia que ainda vai viver momentos melhores. Tenho fé. Quatro séculos se passaram e muitos e melhores ainda estão por vir, tenho certeza.

Beijos

ANTONIO NAHUD JÚNIOR on 8 de setembro de 2011 23:11 disse...

Amigo, venha participar do novo QUIZ!
Abraços,

O Falcão Maltês

Ilaine on 9 de setembro de 2011 03:31 disse...

Dilberto! Adorei "Louvação a São Luís" - um hino em ritmo brasileiro. Que nossas cidades ficam sem os cuidados necessários é uma grande lástima. Sim, para que festa? A festa real é o bem estar diário nas ruas do lugar onde moramos. Uma festa verdadeira era acabar com a violência e a pobreza. Estava olhando na net, que cidade linda na beira do mar... Ainda vou conhecer São Luís! Com certeza! Abraço

Jota Effe Esse on 9 de setembro de 2011 14:23 disse...

Meu ludovicense de quatro costados, Dilberto, se queres uma São Luís com Poesia outra vez... Seria o caso de uma São Luís Apenas Brasileira, e não caribenha, uma São com "palmeiras onde canta o sabiá"... Meu abraço.

Canto da Boca on 9 de setembro de 2011 19:30 disse...

Caríssimo gonçalvino, ainda que desprezada, ainda que vilipendiada, essa Upaon-Açu, continua a emocionar, mais do que a cultura, especificamente que a faz, se faz, é a grandeza das pessoas de São Luís, ilha de tantos amores.
E acredito nas mudanças vindouras, porque conheço de perto a força desse povo. Os "Caostelos", "Sarneys" e outros lobos da política local, não conseguirão destruí-la. Um dia, ainda que tardia, a liberdade voltará a reinar soberana, nas ruas de pedras de cantaria; no coração que retumba ao som do cacuriá, do bumba-meu-boi, do tambor de crioula, do tambor de mina, no peito de cada maranhense!
Parabéns São Luís, e a você Diberto, pelo texto!

"...Ah que ilha inexata quando toca o coração
Eu te toco e tu me tocas
Cai nas cordas do violão
E se um dia eu for embora
Para bem longe deste chão
EU JAMAIS TE ESQUECEREI
SAO LUIS DO MARANHAO."

Parabéns, Ilha do amor!

Abração!

P.S.
Sim sou eu, essa Boca que vos "fala", sua criada, na foto com meu pai!

;)

Ruby on 9 de setembro de 2011 20:00 disse...

Olá Dilberto,
Parabéns à cidade que vem resistindo apesar dos problemas. Eu vi na TV a campanha, incentvando à participação naõ só do povo do estado, mas de todos Brasil. Vamos ver o resulatado. Feriadão mais que generoso, Bom fim de semana.

Camille on 11 de setembro de 2011 00:13 disse...

Ola Dilberto,
Nao foi intencional deixar seu link de fora amigo. É que foram duas vezes consecutivas que perdi todos os links e fiz diversos apelos para que as pessoas deixassem seus links nos comentarios. Estou colocando seu link de volta imediatamente. É só uma questão de ir pegando um por um.
Obrigada pelos comentarios e tudo de bom por ai, no Morcegos!

Souza disse...

Compreensível a amargura vendo uma cidade tão bela e cheia de poesia ser abandonada e esquecida meu amigo. Mas ainda me emociono com Ilha Magnetica e sempre me emocionarei com os sobradões e os amores eternos desta ilha!

Игорь on 11 de setembro de 2011 13:00 disse...

Minha terra é tão fria
Cinza sobre cinza
Um concreto só.

abraços meus amigo!

Dilena disse...

Adorei o texto! Sei o quanto você é apaixonado por essa "ilha bela". Infelizmente, São Luís está abandonada há muito tempo.Faz pena!...
Como minha mãe é ludovicense, sempre vínhamos aqui passear e não demoramos muito, viemos morar. Amo de paixão nossa ilha. É como se eu tivesse nascida aqui. Ainda a vi muito bonita! e bem cuidada. Os clipes mostram realmente como ela era.
Vamos ver se quando ela fizer 400 anos, esteja mais bem tratada.
Parabéns São Luís pelo seu aniversário!
Parabéns filhote pela bela homenagem a sua cidade natal.
Um abraço da mame.

Makoto® on 11 de setembro de 2011 22:23 disse...

Nossas cidades mereciam/precisavam de gente melhor não só na direção.

Henrique Spencer on 15 de setembro de 2011 00:56 disse...

Como sabes sou um ludovicense de coração e já faz quase 9 anos que não vou por aí. Em 2003 vi uma São Luís muito mais moderna do que a deixei em 91, mas me parece que não mudou muita coisa de lá pra cá, ao menos nos políticos, já que continuo ouvindo os mesmos nomes a que me acostumei nos anos 80. O povo tem que mudar isso, votar em outras cabeças mais jovens e com visão de futuro. Esses cabras parecem ter tomado um chá de eternidade, porque tá cheio de jovem morrendo e esses p... vivem até dizer basta.
Amigos maranhenses tem que sair desse sombreiro coronelista. Já basta.

 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran