terça-feira, 18 de julho de 2006

Super-Homem - A Canção

E hoje, encerrando a SEMANA ESPECIAL SUPER-HOMEM, relembro uma pequena crônica que escrevi já há algum tempo, sobre um "super-encontro" mágico entre um filme inesquecível norte-americano (capaz de ser um precursor no entretenimento das grandes adaptações dos Quadrinhos para o Cinema, meio que "refilmado" recentemente no interessante Superman - O Retorno) e uma canção brasileira de um lirismo inesquecível...

Em 1979, logo após uma exibição do eterno clássico Superman - O Filme, um jovem compositor encontra um amigo e declara, extasiado: "cara, que filme fantástico! No final, o Super-Homem volta o tempo e muda a história do mundo pra salvar a mulher que ele ama, a Lois..." - o amigo, também artista, inspira-se naquela narração cheia de belo entusiasmo juvenil e cria uma linda canção... Os amigos em questão eram, respectivamente, Caetano Veloso e Gilberto Gil, e assim nascia a belíssima Super-Homem - A Canção, inspirada diretamente no excelente trabalho de Richard Donner, de 1978.

Em seus versos derradeiros e magistrais, o atual Ministro da Cultura inferia "Quem sabe/ O Super-homem venha nos restituir a glória/ Mudando como um Deus o curso da história/ Por causa da mulher", em referência direta à colossal seqüência final do filme, onde, revoltado por não ter conseguido impedir o segundo míssil lançado por Lex Luthor (imortalizado na interpretação sarcástica de Gene Hackman), que se chocaria contra a Califórnia, e por não ter assim salvo sua amada Lois (a esquecida Margot Kidder) da morte, e, mesmo contrariando todas as advertências de seu pai, Jor-El (Marlon Brando, o imortal), de que jamais poderia "interferir na história da humanidade", o super-herói (vivido com perfeição por Christopher Reeve) faz o planeta voltar no tempo, voando em velocidade impressionante no sentido contrário ao da rotação da Terra, salvando Lois e a Califórnia da destruição - num dos maiores furos da história do Cinema de entretenimento (afinal, voltando o tempo, tudo voltaria a acontecer)!

Assim, naqueles bons tempos que não voltam mais, tivemos o "nascimento" de duas pérolas artísticas diferentes, mas casadas numa espécie de "adaptação para a música": na canção, a ode à mulher e à eterna dependência delas por parte de nós, homens, culminando com um desdobramento abissal; no filme, uma fantástica aventura de qualidades épicas e românticas, ainda que fielmente baseadas numa "arte menor" ou "sub-arte", que são os Quadrinhos... O que termina por nos deixar na garganta um doloroso nó de nostalgia: poucas vezes depois o Cinema e a Música conseguiram aliar magia e qualidade num só produto, ou, melhor dizendo, em dois produtos tão diferentes...
 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran