domingo, 11 de dezembro de 2011

"Há não muito tempo,
Numa galáxia nem tão distante assim..."


Como diria Chicó, diante de mais um campeão de bilheteria no Cine Taperoá: "Qualquer semelhança é mera desgracença"...


Há tempos que a Veja, a Folha, as Organizações Globo y outras chicas del montón paulista apontam o dedo sujo em riste para o "Governo do PT". Não sou petista; era simpatizante do partido, votava em seus deputados e vereadores com estrelinha na camiseta vermelha, mas jamais me filiei a ele; nunca fiz partidarismo, mas sorria com aquela ideologia interrompida em 89, quando aquelas mesmas chicas promoveram Collor à Presidência. Deixei de sorrir quando vi muito daquela ideologia cair por terra em nome da "governabilidade" - sendo a gota d'água ter visto Lula subir ao palanque com Roseana Sarney aqui no Maranhão (a mesma que, anos antes, ele espinafrava ao apoiar o finado Governador Jackson Lago).

Mas, ainda assim, eu não tinha como criticar: afinal, com o que o "Sapo Barbudo" conseguiu ao alavancar o País internacionalmente e com a massificação de políticas sociais, de ensino técnico e de saúde,voltando-se especialmente para um Nordeste esquecido pelas elites dominantes de até então, quem seria eu para apontar o dedo para o "mensalão" (sim, ele existiu) e chamar o Presidente ou o PT de corrupto, se TODOS os seus antecessores pecaram o triplo e jamais fizeram a terça parte do que foi feito com a "cambada do PT"? Ou alguém aí se esqueceu dos rombos do PSDB, da compra descarada de votos para a reeleição de FHC e das escandalosas privatizações dos 8 anos do "partido correto paulista", para citar somente três pontos arrasadores?

Não, jamais estaria eu maquiavelicamente justificando a pífia propaganda fascista do "rouba, mas faz", Deus me livre. O que eu não tolero é ver a mídia das tais chicas mostrando somente um lado da moeda e escarneando, como um demônio à margem do Paraíso, diante até mesmo de um problema de saúde de um ex-presidente, sem nada acrescentar nem à Política nacional, tampouco à moral e à ética da construção de um País melhor. Ou não é o desejo de qualquer partido político manter-se no poder o maior tempo possível? Sejamos honrados, então, assumindo uma atroz mídia partidária ao invés de vir à frente da câmera recitar a "imparcial" cartilha do titio Marinho...

E tudo isso porque foi lançado um livro especialmente curioso recentemente, A Privataria Tucana, do jornalista Amaury Ribeiro Júnior (sim, eu sei: aquele mesmo acusado de arapongagem contra pobres filhas alheias) e, pasmem, NADA foi noticiado pelas grandes mídias del montón. Curiosa a imparcialidade dessa cartilha, curiosíssima...

Por isso é que tenho andado com medo de a Dilma, ao querer agradar a gregos e troianos, não acabar virando joguete não de ex-presidente que se abusaria da sua popularidade, mas de uma mídia rancorosa e tão antiga quanto o Inferno e os desastres colloridos de outrora... Cuidado, Presidenta: esse povo é mais blindado e protegido do que a Estrela da Morte do cinema; a senhora, não...

Falando em Star Wars, achei engraçadíssima uma brincadeira feita num inteligente "blogue de esquerda", o Tudo em Cima, onde havia, numa pequena ode à saga de Guerra nas Estrelas, montagens com possíveis capas da Veja e primeiras páginas de jornais como o da Folha de São Paulo se a épica trama de George Lucas fosse noticiada por esses meios de "imprensa" brasileiros (brilhantemente chamados pelo "crítico spam" André Lux de "PIG: partido da Imprensa Golpista") - a coisa toda ficaria mais ou menos assim:






Ao final da postagem, o blogueiro nos lembra que o que parecia uma inteligente brincadeira, na verdade, era mais real do que pensava a nossa vã historiografia...






Meu Deus, tremo só em lembrar uns "manifestantes" contrários ao lançamento do essencial livro do jornalista Palmério Dória aqui em São Luís: pancadaria e quebra-quebra, seguidos de "boicotes" nas bancas e livrarias para que ninguém do Maranhão "ficasse sabendo" de Honoráveis Bandidos... Só tenho a recomendar, Presidenta Dilma, que Vossa Excelência não deixe de ler A Privataria Tucana: tenho certeza de que a senhora, após a leitura, vai achar ridícula a marcação cerrada sobre os seus ministros caídos...


Não deixemos que este livro se torne o "livro invisível da corrupção"...
|

12 comentários:

Souza disse...

O que a Veja proporciona é uma grande desinformação! Nada do é dito naquelas páginas brancas e amarelas é digno de nota, com tantas "denúncias" plantadas e unilateralismo gritante! Uma revista patética! Adorei as comparações com Guerra nas estrelas e a divulgação das capas com notícias saltitantes sobre a "Democracia"!

Érica on 12 de dezembro de 2011 16:26 disse...

A revista Veja é a maior mentira lucrativa que existe. Todo mundo sabe, mais consome. Eu não entendo por que. De jornalismo não tem nada, mas sim notícias para agradar direitistas ignorantes. Quando eu era mais jovem, fiz parte da juventude do PT, militante. Hoje eu percebo que não existe mais partido, é tudo uma grande orgia coletiva.

Beijos

Érica on 12 de dezembro de 2011 16:34 disse...

Sim, a respeito do livro acho que é muito importante, talvez o livro mais importante do ano. Pricipalmente para quem não acompanha a política nacional e não tem idéia da maior roubalheira da história da república na época do governo tucano: a privatização no Brasil.

cineboy on 12 de dezembro de 2011 23:48 disse...

Bravo Dilberto!Adorei hahaha!
Admiro Lula,naõ concordo com tudo que fez politicamente,mas o admiro e sou fã do que fez no Brasil,em geral.E para o psdb e dem só o inferno não basta eca!!!

Claudinha ੴ on 13 de dezembro de 2011 12:45 disse...

Ai, ai, Dil, cê sabe né? Eu li tudo, adorei as comparações, adorei o texto, mas fiquei aqui babando com a música e com as fotos dos meus queridíssimos... Ahhhhhh...
A música está detonando aqui!
Mas foi muito inteligente e bem feita toda a matéria. Eu não sou muito política, nunca fui com a cara do PT e nem de outro partido qualquer. Na verdade eu só acho errado eu ser assim politicamente, mas eu sou, não gosto, acho que sempre vou me decepcionar...
Um beijo!

#PedePraSair on 13 de dezembro de 2011 21:28 disse...

Voltei,Dil!!! Demorei,mas aqui estou!
Rapaz,fiquei pasma com seu post.Vc está certíssimo e eu não estava me dando conta da bandalheira que estão fazendo.É tanta denúncia,tanta propaganda contra,tanta maracutaia,que acabei perdendo o meu "norte".Eu não havia me esquecido das safadezas de FHC para se reeleger,nem da tucanalha doida por privatização,nem dos antecessores dele,como Collor e sua quadrilha - PC Farias suicidado - e outras embrulhadas. Mas a coisa está tão confusa,com um troca-troca de uns corruptos por outros,que acabei por não saber mais o que esperar e em quem acreditar.Mas,com certeza,essa direita jurássica não me engana,e a Veja apostou numa tragédia qdo Lula ganhou a primeira eleição.Lembro mto bem da capa desse pasquim,onde aparecem Gushiken,Palocci e Dirceu como os 3 mosqueteiros do mal.Isso,na época da posse do Lula.Então,mto antes de valerioduto,de dinheiro na cueca e outros horrores,a Veja já se posicionava como inimiga feroz e perpétua.Mainardi escrevia com um ódio de impressionar.Agora aquele coisa,Reynaldo Azavedo,bombardeia tudo,e todos,que não comungue de seu fascismo histérico-cristão. Pois bem,sei que não engulo o veneno direitista,mas tb não entendo e não confio em quem está no poder.Acho que a Dilma até está tentando limpar a sujeira do PT,mas ela escolhe uns ministros que mostram a que vieram,e vieram para se dar bem.Nem sei se é ela que está mandando neste país.Dirceu e Palocci estão quietos demais. Enfim,não sei mais nada.
Qto ao livro que vc citou,vou procurar por ele,não o conhecia.
É isso,amigo.Valeu mto este seu post.
Agora não tenho mais As Esquinas,te falei por e-mail.Mas estou deixando o link do meu recém-nascido blog.
bjss,Lucia

ANTONIO NAHUD JÚNIOR on 13 de dezembro de 2011 23:12 disse...

Realmente assim caminha a humanidade, sem rumo nem prumo. Sinceramente já não me apetece mais me iludir com o universo político... Comprei esta semana O QUE SEI DE LULA, de José Nêumanne Pinto... Parece que o autor joga duro.

O Falcão Maltês

Lulu on the sky on 14 de dezembro de 2011 11:00 disse...

Dilberto,
Hoje meu blog comemora 8 anos de atividade. Convido você pra participar da festa!
Big Beijos

Lulu on the sky on 14 de dezembro de 2011 11:00 disse...

Dilberto,
Hoje meu blog comemora 8 anos de atividade. Convido você pra participar da festa!
Big Beijos

Jandira disse...

Cinco anos depois de fazer parte do serviço público, vejo que as práticas político-institucionais são sempre as mesmas em todas as esferas e em todos os âmbitos. Excelente texto e muito bem ilustrado com as 'capas' de Veja!! Em relação às semelhanças, como diria Chicó :" Acho que tô intendeno..." rsrs

Suzane Weck on 14 de dezembro de 2011 18:43 disse...

Ola meu querido amigo,senti uma certa "suntuozidade"na tua postagem de hoje.Como sabes muito á respeito de politíca e eu na realidade não mais quero saber pois mediante tanta hipocresia por parte de todos os partidos ,penso igual ao nosso amigo Falcão Maltêz.O que me resta é cantar......Grande abraço.Muito obrigado pelo carinho e grande incentivo que tens me dado.Fico muito feliz em receber teus comentários.

#PedePraSair on 15 de dezembro de 2011 04:59 disse...

Dil,olha só para ver se não é pra gente enlouquecer.Eu peguei no twitter:
"O ex-governador José Serra (PSDB-SP) chamou de “lixo” o livro “Privataria Tucana” do jornalista Amaury Ribeiro Júnior. Na publicação, o repórter fala de um suposto esquema de corrupção no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso que envolveria Serra, que ocupou a pasta do Planejamento.

“Vou comentar o que sobre lixo? Lixo é lixo”, afirmou Serra ao ser questionado sobre o livro. O senador Aécio Neves (PSDB-MG) fez um comentário breve sobre o livro. "Não é uma literatura que me interesse. Os que se interessarem devem lê-lo", declarou. Os dois participaram nesta tarde da inauguração de uma sala da liderança tucana na Câmara batizada de Artur da Távola.

Amaury Ribeiro Júnior foi acusado no ano passado durante a campanha eleitoral de ter encomendado a quebra de sigilo fiscal de pessoas ligadas ao PSDB. Tiveram o sigilo violado o vice-presidente do partido, Eduardo Jorge Caldas Pereira, a filha de Serra, Verônica, entre outros. O jornalista negociou participação na pré-campanha da presidente Dilma Rousseff. Amaury afirmou na época que estava buscando informações para seu livro e negou a prática de ilegalidade.

Fonte http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,serra-chama-de-lixo-livro-sobre-privatizacoes-do-governo-fhc,810591,0.htm"

Eu juro que não sei mais em quem e no quê acreditar.Sempre gostei de política e tomei partido de um ou outro lado. Qdo era criança,observando as conversas de meu pai e meu avô,eu era Udenista e Lacerdista doente,pode isso? Uma criança gostar de política? Adolescente, participei do movimento estudantil,mais tarde fui p/o PT e depois,p/o PCdoB,mas também só tive decepção.Agora estou descrente e desconfiando de tudo e todos.O assassinato de Celso Daniel,por ex, até hj me deixa com "a pulga atrás da orelha".Ele era um sujeito decente... Queima de arquivo? Viver sem ter uma ideologia é terrível pra mim.E não sou mais da "esquerda"e,mto menos,da "direita".Estou no limbo,socorro!!!
bjs

 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran