quarta-feira, 1 de julho de 2009

"The thrill is gone, baby..."


O ano era 1982 e aquele “negrinho” dos Jackson 5 já havia mostrado que o talento ‘castratto’ não só havia se mantido com o passar da idade (ele agora tinha 24 anos), como também havia aumentado, com o lançamento da ótima mistura de ‘R&B’ e ‘discomusic’ no disco Off The Wall (cujo carro-chefe havia sido a canção Can’t stop (‘till you get enough) e que é lembrada até hoje através da abertura do sofrível global VideoShow)... Mas foi mesmo com o disco mais vendido da História, Thriller, que Michael Jackson mostrou o genial artista (cantor, dançarino e homem de negócios) que era, acima de qualquer preconceito! Infelizmente, mesmo com a qualidade de alguns trabalhos posteriores, Thriller foi mesmo o seu ápice de talento e ousadia, e, de lá pra cá, assim como se deu com outro Rei (no talento e nas esquisitices, Elvis Presley), só houve descida até o recente desfecho melancólico...

Mas falemos do que realmente interessa: vindo de duas pequenas obras-primas dos anos 80 (Os Irmãos Cara-de-Pau e Um Lobisomem Americano em Londres), o “Diretor dos Anos 80” (ao lado de Spielberg), John Landis, foi convidado por MJ para escrever e dirigir o material para a canção-título do seu novo disco Thriller. Entretanto, o Mestre Landis não só dirigiu com maestria o videoclipe (que você pode acompanhar, na íntegra, na galeria ‘Sing It’ ao lado), como também fez de Thriller mais uma pequena obra-prima em seu currículo! Infelizmente, as dobradinhas Landis/Jackson que se seguiram nunca mais conseguiriam repetir o excelente resultado: em Black or White, por exemplo, apesar de bem razoável, especialmente por aquele clássico efeito da transmutação, o clipe acabou tolamente esticado até as polêmicas cenas de explosão violenta de Michael, sem esquecer o uso desnecessário de Macaulay Culkin...

Não desço a homenagens chinfrins ao artista que se foi cedo ou a pieguices dos ridículos programas vespertinos da TV aberta, muito menos perderei meu tempo falando do ‘Wacko Jacko’, do menino maluquinho cheio de esquisitices alimentadas pelos tablóides (ou pelo próprio artista): como diria Caetano, cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é! Prefiro ouvir meu disco Thriller, cheio de clássicos memoráveis... Thriller, em Inglês, significa algo que provoca calafrios, que estremece (normalmente usado para designar gênero de filmes com suspense e ação), justamente o que se sente ao se ver (e rever) esta aula de clipe, com a fantástica maquiagem de Rick Baker (o mesmo de Um Lobisomem Americano em Londres), as ótimas metalinguagens (filme dentro do filme; voz de Vincent Price, astro de clássicos do Terror), a inesquecível coreografia dos zumbis...
|

6 comentários:

Thiago Leite on 3 de julho de 2009 09:25 disse...

Acho que ele já tinha concluído sua obra há muito tempo.

Thriller foi o auge. O videoclipe mesmo é um primor, dança, música, cinema, mitologia, tudo junto e bem encaixado.

Ainda me surpreendo com a maquiagem, tão bem-feita e com as coreografias em todos os clipes. Desde cedo eu queria dançar daquele jeito. E quando eu sonhava em ser músico e fazer videoclipes, eram operetas como Thriller, Smooth Criminal e Bad que me vinham à mente como inspiração.

HILTON RAFAEL on 3 de julho de 2009 12:32 disse...

Triller, acredito que foi um dos videoclipes que marcaram sua carreira.
Aqueles que não são da sua geração, também admiram o trabalho de Jackson,
E fica a tristeza para a música.

Francisco on 4 de julho de 2009 17:01 disse...

Amigo Dilberto.
Me desculpa por não fazer um comentário como o seu post merece.
Estou num Note emprestado, e o dono tá aqui do lado pedindo de volta. O meu estragou.
Sabe, aqueles 77 comentários lá no blog, foram uma exceção, e também tem alguns repetidos. Me surpreendi, pois sei das minhas limitações e não tô com essa bola toda, não! rsrsrsrs
Semana que vem, volto prafazer um comentário por aqui.
Um abração.

Ricardo Cidade on 5 de julho de 2009 21:41 disse...

Olá, Dilbetto! Obrigado pelos elogios! Essa sua HQ é bem interessante. Só fiquei incomodado com a legibilidade do texto, por favor não se ofenda por isso. Justamente por estar curtindo seu trabalho, senti necessidade de uma leitura mais nítida do que era narrado. No mais, seu blog e sua HQ são interessantes como um todo!
Um abraçoe continua criando, dá trabalho mas é divertido!

Morena on 8 de julho de 2009 19:24 disse...

OIII Tio Dil!!!
Como tudo na vida tem o auge e o declínio. O ruim é esse merchan q estão fazendo... todas as homenagens... e programas que só falam disso...

Beijos saltitantes
Boa semana

MARTHA THORMAN VON MADERS on 13 de julho de 2009 18:15 disse...

Ufa..cheguei!
Gosto da maneira que você escreve.
Sabe que sou uma apaixonada por vampiros?
Gosto de Triller, um dos melhores.
Como sempre você nos apresenta um belo trabalho aqui, sinto não estar a !altura! para comentar.
A tardinha nunca estou.Sou péssima.
beijossssssssss
Umna feliz semana querido amigo

 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran