quarta-feira, 16 de julho de 2014

A Copa das Copas
(Menos para a Seleção, é claro...)

Seleçãozinha mais horrorosa... A pior de todos os tempos?

"Anunciaram e garantiram Que o mundo ia se acabar"... Assim começava, genialmente, o famoso samba-choro E o mundo não se acabou, de Assis Valente, na década de 30: um dos nossos maiores cronistas do samba então debochava sobre o boato generalizado de que o mundo se acabaria por causa de um eclipse total – ou seria pela passagem do cometa Halley? De qualquer forma, o ano era 1938, época de muito atraso tecnológico, tempo de inocência e de fácil amedrontamento por meras especulações difundidas a esmo se comparado ao globalizado e esperto mundo de hoje. Mas o que dizer, então, da facilidade com que ainda hoje certas bobagens se espalham pela internet? E, o que é pior, recebem credibilidade de um monte de incautos?! Sim, porque uma das raças de maior proliferação é a dos "profetas-urubus", seja na Grande Mídia, seja na surdina de PCs cheios de ódio, para os quais tudo no Brasil está errado e, assim, saem apregoando o "fim dos tempos": não foram eles, por exemplo, que previram uma verdadeira tragédia para a Copa do Mundo no Brasil?!

Não, não falo da tragédia ridícula que sofremos no nosso "apagão" diante da seleção alemã: essa é mesmo inconteste e todo mundo viu (exceto a Dona Lúcia e o Parreira)! Eu me refiro mesmo à loucura que foi espalhar a boataria do "terror" de que o maior evento futebolístico do mundo seria vergonhoso por aqui graças aos "petralhas", quando, na verdade, jogadores, jornalistas e os milhares de turistas estrangeiros que para cá vieram derramaram-se em elogios à organização e à festividade do sempre caloroso povo brasileiro. E mesmo as inúmeras desinformações espalhadas de forma viral sobre "corrupção" e "nababescos gastos do Governo" com estádios e afins já foi devidamente desmentida! Apesar de explícita a patacoada, infelizmente, muita gente acreditou nisso tudo, sentiu "vergonha de ser brasileiro" e saiu por aí a vociferar que não iria ter Copa... Patético! Nada foi mais patético, entretanto, do que a nossa horrível Seleção neste mundial tão bonito...

Depois das horrorosas partidas contra Croácia, México e Chile (contra Camarões não foi jogo: aquilo estava mais pra amistoso!), só estreamosrealmente, no jogo contra a Colômbia: só então eu sentia, pela primeira vez nessa Copa, que a Seleção jogava Futebol nas quartas-de-final! Enfim agíamos como os devidos donos da casaSim, porque, até então, nossos jogadores estavam mais para clones daquele time bem razoável que venceu a Copa das Confederações no ano passado  mesmo sem nenhum brilhantismo (o Futebol-Arte, infelizmente, acabou-se com a brilhante Seleção de 82...). Até porque Copa das Confederações também nunca foi nenhuma Copa do Mundo... A não ser para o Felipão e o Parreira (além, é claro, da Dona Lúcia)!

Como alegria de país-que-sedia-copa-sem-ter-futebol dura pouco (isso mesmo: já tivemos Futebol; hoje, não mais!), o pequeno entusiasmo frente aos colegas de amarelinha da Terra da Shakira se deu somente na maior parte do bom primeiro tempo... No segundo, a Seleção, que já deveria ter entrado com substituições essenciais para que o nosso time voltasse a ter ritmo 
 coisa para a qual Hulk, com sua falta de qualidade técnica, e Fernandinho, com suas faltas desnecessárias, estavam contribuindo deveras  acabou mostrando a que veio... Ou melhor, que não veio! E não é sempre assim? Nosso glorioso Felipão de tantas "conquistas", o marrento das coletivas que não deixa um jornalista terminar sua pergunta sem alguma grosseria, obedecendo às avançadas técnicas futebolísticas dos técnicos nacionais  não anota nada durante a partida, não muda coisa alguma do esquema tático (se é que existe algum...), sequer treina mudanças nos coletivos, e ainda acha que tudo está às mil maravilhas, apresentando sempre os mesmos erros previsíveis , só mudou depois dos 30 minutos e após tomarmos gol... Sem esquecer a genialidade de ter permitido que o seu melhor jogador fosse quebrado covardemente por uma Seleção já eliminada antes mesmo do final de um jogo terrivelmente apitado por mais um juiz ridículo, que achava que ser "imparcial" era deixar o Brasil se ferrar nas quatro linhas...

E, depois desse jogo icônico para os nossos canarinhos de meia pataca, não teve jeito: foi só descida e los hermanos foram para a final! Mas, como Deus é brasileiro (mesmo com Papa argentino e deus fajuto bem menor que Pelé!), preferível uma Alemanha  tetracampeã, com só um título a menos que o ex-"País do Futebol" a se eternizar como os campeões-que-sequer-viram-algum-adversário-em-campo-na-semifinal-contra-os-amarelões-donos-da-casa do que uma Argentina-que-ganhou-duas-copas-na-roubalheira (78, sem comentários; e 86, na "mão de Deus" de Maradona) e perigava chegar ao seu terceiro título na casa do Rei do Futebol... Graças a Deus (o Verdadeiro), não tivemos que aturar ainda mais o absurdo "Maradona és más grande que Pelé" por um bom tempo... Mas, peraí: e Deus se mete em Futebol?! Se sim, por que raios não ajudou a gente, com aquele monte de meninos chatos levantando o dedo e orando por um milagre a cada péssima partida nossa?!

Não torci para nenhum dos dois nessa final de Copa, honestamente: vi tudo como amante do Futebol e de Copas que sempre fui, somente (embora tenha vibrado um pouco com o lindo gol de Götze). Tampouco torci a favor ou contra o Brasil no jogo contra a Holanda! Nada de ódio ou "vergonha de ser brasileiro", coisa mais idiota ver imbecis queimando bandeiras do Brasil ou mesmo culpando a Presidenta (ué, ela não havia comprado a Copa? Decidam-se, seus coxinhas!)... Esta foi mesmo a "Copa das Copas", linda de se ver, mesmo com o Futebol horroroso do Brasil! Não, não: só acho uma bobagem, assim como o treinador holandês (que parece ter voltado atrás durante o jogo contra a nossa fraquíssima seleça), essa disputa de "terceira e quarta posições"! Especialmente se estamos falando da Seleção Brasileira nesse Mundial
esse time, comprovadamente, é de quinta!

E falando em deboche, o que resta, agora, é rir! Rir de uma CBF imersa há muito na corrupção e que tem um pusilânime morto-vivo ainda no Poder (morto de saudades da Ditadura Militar e vivo até demais pra seguir o legado de Havelange, Teixeira e cia., deixando um se seus asseclas para continuar a sugar o sangue da nossa bola)! Ou gargalhar das "estratégias" de Felipão contra a imprensa alemã e de suas "táticas" incríveis de jogo sem treino! Ou ainda morrer de rir com o bananeiro Daniel Alves, que chamou de "babaca" quem critica a Seleção, já se esquecendo da Seleção mais babaca de todos os tempos, por tanto desrespeito ao Futebol brasileiro, de que ele fez parte! Talvez rolar no chão com a cartinha que a mãe do Murtosa escreveu (seria essa a sua função na coordenação do nosso escrete?!) e que o Parreira leu com entusiasmo, a elogiar a gloriosa e impecável comissão técnica e a agradecer por tudo ("Eles se prepararam para vencer a Copa... Eles têm centros profissionais avançados de futebol, conheço isso há 20 anos na Alemanha..." E nós temos o quê, seu Parreira: arte culinária?!)... E Ronaldo, o fenômeno convulsivo duas-caras e esteta dos geniais comentários futebolísticos? Criticando apatia? E 2006, Seu Lazário? De qualquer forma, este ano foi pior que em qualquer outra Copa: o time inteiro entrou em convulsão no meio do campo (antes pegassem a bola durante o jogo e, chorando, saíssem de campo com um "a bola é minha; não brinco mais"... Seria mais digno)!

E enquanto novas teorias da conspiração não comecem a levantar o envolvimento da FIFA (contra o Brasil que arrochou a sua máfia), da Adidas (para vingar-se da Nike) e de Aécio Neves (desesperado para que a Presidenta não se popularizasse ainda mais na entrega do título ao Brasil) na derrota entreguista frente aos panzers naquele humilhante sete a um, eu me vejo encalacrado num dilema: o que fazer com as trocentas figurinhas repetidas do álbum que inventei de comprar? E nem são do famoso álbum da Copa, espécie de febre nesses últimos meses, mas, sim, do interessante e nostálgico Brasil de Todas As Copas, onde, em meio a lindas fotos antigas de Pelé, Garrincha, Rivelino e Zico, deu até pra se inspirar e encarar esta seleçãozinha mequetrefe deste último mundial... Acho que vou guardá-las para mostrar ao meu filho daqui a alguns anos: só assim, ele ficará sabendo que aqui, um dia, se jogava Futebol!


Jesus... Só a Presidenta para nos redimir em outubro...


 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran