quinta-feira, 24 de abril de 2014

Palavras Desditas

Acredito que à exceção de Morcegos e de Um breve desabafo em antítese, nunca decorei um poema sequer de minha autoria. Na verdade, da autoria de ninguém. A despeito de minha boa memória, jamais recitei de cor qualquer verso, qualquer estrofe, como há tantos por aí que o fazem... Não os invejo, tampouco os critico, mas não sei: creio ser para que o poema seja relido e revivido sempre. Assim, jamais preso à exaustão do lugar fácil, sempre à mão, será sempre preciso tateá-lo novamente para uma redescoberta... Mas, como diria o Samurai Malandro, em mensagem aos velhos arautos da Eterna Poesia, Dia vai vir que os saiba/ tão bem que vos cite/ como quem tê-los/ um tanto feito também – desta forma, o poetizar há de se repetir como quem acredita reunir um manual da pessoa amada e acaba no ocaso de saber-se um fingidor... 

Nestes 10 anos dos Morcegos, a Poesia sempre se fez presente e a minha, embora um tanto afastada ultimamente, recria-se perene em meu humilde poetizar... Hoje, um poema que me é caro, como sempre me foram caras todas as palavras (em verso ou em prosa) em que eu me inventei...

Palavras Desditas

Cada palavra dita me é cara
Como me são caros os amores que inventei
Cada palavra ainda me cabe
Como em mim cabem ainda as mulheres que abandonei

Cada boca, cada gesto,
Cada medo, cada olho carente de amor que eu ainda lembro
Tal como a palavra que meu amor reinventou
É, mesmo assim,
Ela, a palavra que ainda amo,
Ainda rebola por entre os mais diversos timbres e sabores...

Verdade seja dita,
Desdita,
Escrita ou falada:
Cada palavra velada
Resta em meu peito maldita
Como cada cópia dissonante e repetida de meus amores...

Amo-as todas
Umas mais
Palavras a mais ou a menos
Cada uma que sei
Digo e repito:
Ainda me soa como grito
Cada palavra que dela escutei...

(Dilberto L. Rosa, 2004)
|

1 comentários:

Claudinha ੴ on 11 de maio de 2014 20:07 disse...

Lindo Poema Dil!
E quem diria que dez anos depois de escrevê-las, estaria com uma super família para inspirá-lo ainda mais?
Um beijo procês!

Amigos & Leitores

 

Google+ Followers

+ voam pra cá

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Quem linkou

Twingly Blog Search http://osmorcegos.blogspot.com/ Search results for “http://osmorcegos.blogspot.com/”
eXTReMe Tracker
Clicky Web AnalyticsBlogBlogs Join My Community at MyBloglog!Personal Blogs - BlogCatalog Blog Directory

Outras cavernas

luzdeluma st Code is Copyright © 2009 FreshBrown is Designed by Simran